OS GUARDIÕES DAS FLORESTAS FORAM À FRANÇA PARA PARTILHAR UM APELO URGENTE À PROTECÇÃO DAS FLORESTAS

 

No dia 21 de novembro, a série “Guardians of The Forests” estreou no Fórum Grimaldi no Mônaco. Organizado pela Fundação Príncipe Alberto II do Mônaco durante a conferência da Iniciativa Florestas e Comunidades, este evento apresentou uma série de documentários que destaca a importância de preservar os ecossistemas florestais vitais do nosso planeta.

A série, dirigida por cinco realizadores e apresentando cinco líderes indígenas enraizados em florestas primárias ameaçadas em todo o mundo, gira em torno da preservação ambiental e da proteção da biodiversidade. A estreia reuniu a produtora Muriel Barra, o realizador Luc Marescot e os cinco guardiões: Benki Piyãko, do Brasil, Hilarion Kassa Moussavou “Mambongo”, do Gabão, Twyla Edgi Masuzumi, do Canadá, Mundiya Kepanga, da Papua, e Tumursukh Jal, da Mongólia. A sua presença conjunta no Mônaco antes da COP 28 foi intencional, com o objetivo de transmitir uma mensagem forte ao mundo sobre a urgência da conservação do ambiente.

O episódio em destaque, “Brazil – Replanting the Amazon”, realizado por Luc Marescot e destacando as iniciativas ambientais da Benki, foi o centro do evento. Esta seleção teve um significado simbólico, uma vez que a Fundação Príncipe Alberto II do Mónaco inaugurou recentemente uma filial em São Paulo, Brasil, reforçando a importância global dos esforços de conservação apresentados. Os debates após a projeção aprofundaram o trabalho ambiental de cada guardião, realçando o reconhecimento da sabedoria indígena e a integração dos seus conhecimentos nos esforços globais de conservação.

O significado desta estreia estende-se para além dos limites do Mônaco. Embarcando numa digressão de duas semanas por toda a França, os guardiões pretendiam alargar a sua mensagem e promover uma maior sensibilização para o papel inestimável das florestas na manutenção da vida na Terra.

A 25 de novembro, a digressão do The Guardian prosseguiu para a cimeira inaugural de Evian. Esta cimeira juntou os Cinco Guardiões em workshops interessantes centrados no tema central da proteção das florestas, com o objetivo de capacitar os jovens para participarem ativamente na criação de soluções inovadoras e inclusivas. Estes esforços colectivos visaram não só a acessibilidade, mas também incutir compromissos que ressoam através das gerações, assegurando um futuro sustentável e inclusivo para todos.

No dia 2 de dezembro, os cinco Guardiões da Floresta reuniram-se mais uma vez para o tão aguardado evento de lançamento do documentário no La Gaîté Lyrique, em Paris. A ocasião também incluiu uma sessão de debate envolvente para promover a interação com o público. Os participantes tiveram uma plataforma única para interagir diretamente com os líderes, permitindo-lhes colocar questões e participar ativamente numa profunda troca de experiências.

“Guardians of The Forests” estreou no Arte TV a 9 de dezembro e ficou disponível em http://arte.tv a partir de 2 de dezembro.

Share this post

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email